NUTRIÇÃO

Cereais integrais da seara à taça: como fazemos os nossos saborosos cereais de pequeno-almoço

Share
Frequently asked questions

Já alguma vez se questionou de onde vêm os nossos cereais? Já ouviu falar de cereais integrais? Saiba como e porque é que os mantemos integrais, desde a seara até à sua mesa de pequeno-almoço.

Para quê retirar todos os nutrientes do cereal integral se são uma parte importante de uma dieta equilibrada para a sua família? Ao manter todas as partes do cereal, os Cereais de pequeno-almoço NESTLÉ® asseguram a otimização do teor de nutrientes fornecidos pelo próprio cereal. Para saber mais sobre o que é um pequeno-almoço equilibrado e compreender todas as maravilhas naturais dos ingredientes dos cereais integrais, clique abaixo. 

O QUE SÃO OS CEREAIS INTEGRAIS?

Cereais integrais: processo passo a passo

Para irem da seara dourada até à sua mesa, os cereais são colhidos e moídos para se transformarem em farinha de cereais. Depois, são misturados com outros ingredientes, como o açúcar, aromas naturais (cacau ou mel, por exemplo), água, vitaminas, minerais e antioxidantes para a massa. Por fim, vão ao forno. Como pode ver, o processo de transformação dos cereais integrais nos cereais que comemos ao pequeno-almoço requer bastantes cuidados, mas vale a pena o esforço. Assim, é mais fácil desfrutar dos cereais integrais como parte de um pequeno-almoço equilibrado. Os nossos processos e receitas garantem que fornecemos cereais nutritivos, com vitaminas B e minerais, e saborosos!

Como fazer cereais em quatro passos simples!

Queremos que os nossos cereais de pequeno-almoço sejam saborosos quando chegam à sua mesa. Por isso, preferimos a simplicidade no processo de fabrico e gostamos de manter as coisas o mais caseiras possível. Na verdade, a forma como os cozemos não é muito diferente da sua. Não há nada de muito complicado nem sofisticado para fazer cereais de pequeno-almoço. Até os pode fazer em casa! Continue a ler para ver uma receita saudável para o pequeno-almoço de toda a família.

chopped nuts
0.01 MOER

Do grão dourado à farinha de cereais

Depois de amadurecido pelo sol, colhido e, em seguida, limpo, o grão é trazido para as nossas fábricas. Na maioria delas, nós próprios é que o moemos, reduzindo o tempo entre a moagem do grão e o produto final (cerca de duas horas!), para que a farinha seja realmente fresca. Além disso, como somos nós próprios a fazer moagem, apenas produzimos a farinha de cereais necessária, evitando o desperdício!

 

Como é que faria em casa?

Bom, provavelmente, não iria moer o grão, a menos que viva num moinho! Contudo, a farinha de cereais que usa para cozer será muito semelhante à que nós usamos. A diferença é que a nossa será à partida mais fresca. Isso acontece porque como somos nós próprios a moê-la, vai direta da moagem para a misturadora.

 

cooking
0.02 COZINHAR

Misture tudo e depois aumente a temperatura!

Antes de os grãos moídos serem cozidos, misturamos a farinha com água e outros ingredientes que adicionamos, como vitaminas e minerais, e cozinhamos tudo junto num misturador em vácuo para criar a massa (se vamos revestir o produto final mais à frente, reservamos alguns ingredientes, como o chocolate ou o cacau em pó, para adicionar mais tarde).

 

Como é que faria em casa?

Esta é a parte do processo que consiste em mexer, misturar e bater. É aquela parte em que colocamos todos os ingredientes numa taça e fortalecemos os músculos dos braços! Quando está a fazer pão, é aquela parte em que amassa tudo à mão até obter uma massa macia e suave (ou também pode poupar-se ao trabalho e misturar tudo numa máquina de fazer pão, mas o que diria a sua avó disto?!).

 

SHAPPING
0.03 DAR FORMA

Criar aquelas bolachas

A massa passa depois por uma das nossas máquinas especiais (pense numa máquina de prensar massa ou de fazer salsichas) para criar as formas de cereais que já conhece e de que tanto gosta: argolas, bolinhas, flocos e bolachas.

 

Como é que faria em casa?

Quando usa aquelas formas especiais para fazer as suas bolachas, está a moldar a massa, tal como nós fazemos.

 

 

BAKING
0.03 COZER

Cereais crocantes acabados de sair do forno

Finalmente, colocamos os cereais já formados num dos nossos grandes fornos, onde são tostados durante o tempo certo. Imagine uma máquina de secar gigante, com a diferença de que esta não seca as suas meias, dá sim aos cereais uma cor dourada e uma textura crocante. Quando estão prontos, deixamos arrefecer (alguns deles recebem uma camada final de sabor, como um toque de chocolate, hmmm!) e depois são embalados e enviados para as lojas. Missão cumprida.

 

Como é que faria em casa?

Esta é a parte do “leve ao forno pré-aquecido durante 40 minutos”. A diferença é que temos um forno maior.